O que é salvação?

Há várias maneiras de abordar um mesmo assunto. Um dia desses uma colega de trabalho perguntou-me, segundo o meu conhecimento da Bíblia, o que seria salvação? Tenho o modo peculiar de explicar, gosto de tocar vários assuntos ao mesmo tempo, mesmo que não esmiuçando todos no momento por causa do tempo, mas deixando um brecha para oportunidade futura.

No início Deus criou o homem perfeito, mas Deus colocou Adão em prova, representando a raça humana. A Bíblia ensina que Deus trabalha com representação. Adão no Éden representava a raça humana, quando Adão pecou todos pecaram com ele, por isso a Escritura diz que todos nascem em pecado. A natureza humana constituinte de cada homem é corrupta, pecaminosa. Pecado é um termo rico, entre outras coisas quer dizer inimizade, inimizade principalmente e acima de tudo direcionada a Deus. Quando o pecado entrou no mundo, pela desobediência de Adão, o homem e seus descendentes se tornaram inimigos de Deus por natureza. O pecado não apenas colocou o homem contra Deus, mas também contra os seus semelhantes e até mesmo consigo. Toda a causa de conflito entre as pessoas do mundo podem ser explicadas em termos do pecado de Adão que nos legou tal natureza. Ademais, os conflitos interiores, as doenças psicossomáticas também advém do pecado, o homem entra em conflito consigo mesmo.

O pecado de Adão trouxe consigo o cumprimento da ameaça que Deus havia feito com a proibição. Se um dia Adão desobedecesse ele iria morrer. Morte aqui quer dizer principalmente morte espiritual, em outras palavras, separação da vida, ou fim da vida. O pecado separa o homem de Deus. Somente Deus tem vida em Si mesmo. Nenhuma criatura sobrevive sem está ligado a Ele. Deus não só cria vida como a sustenta. Então, o “é certo que morrereis” se trata de morte espiritual. Ninguém pode afirmar com toda a certeza de que se Adão não houvesse pecado o homem não enfrentaria a morte física. É provável que a morte já existisse, morte de vegetais e  animais, os animais selvagens foram criados por Deus e não uma corrupção da natureza dos animais por causa do pecado de Adão.¹

O pecado do homem não pegou a Deus de surpresa. Deus é onisciente, isto é, sabe de tudo, passado, presente e futuro. A Escritura ensina que antes de criar o homem Deus já havia planejado o meio de escape. Esta salvação incluiria a vinda do Filho único de Deus, Ele se tornaria homem, e seria o novo representante dos homens perante Deus, assim como Adão foi, mas falhou, o Filho de Deus, ao contrário, iria triunfar. Ademais, o Filho do homem haveria de sofrer e morrer uma morte horrível como malfeitor, mesmo sendo inocente, essa morte seria a paga pelo pecado dos seus representados ou o Seu povo. Para que uma pessoa pudesse ser salva por Ele, ela deveria ter fé no Filho de Deus. Fé no Filho de Deus é uma maneira de alguém honrar a Deus. Em outras palavras é dar crédito a Deus confiando que ele irá cumprir o que prometeu. Não ter fé é chamar a Deus de mentiroso.

Foi mais ou menos assim a minha explicação, como estávamos num intervalo de trabalho, tivemos de voltar a trabalhar. Noutro dia iremos voltar ao assunto.

¹Veja a discussão em: Collins, C John, Genesis 1-4:  http://www.prpbooks.com/book/genesis-1-4

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s